sábado, novembro 15, 2008

O GAROTO JACK O'DELL

Apoiado na amurada do Titanic, o jovem Jack O’Dell olha o mar. Filho de Herbert O’Dell e Lilly May O’Dell, Jack vinha de uma família rica. Seu pai tinha um grande negócio no ramo de peixes na Grã Bretanha, além de ser membro sênior da Fishmongers’ Livery Company, em Londres. Por algum motivo, seu pai não foi ao passeio, era um feriado escolar. Jack O’Dell estava acompanhado da sua mãe, sua irmã Kate e mais dois tios, além do amigo da família o Padre Francis Browne.

O passatempo da família era fotografia. Sorte a nossa, pois a maioria das fotos do Titanic é desta família e do Padre Browne. Eles nem imaginavam que estariam fazendo parte de um evento histórico da humanidade. Suas fotografias gravariam aquela época e tornar-se-iam famosas por causa de sua autenticidade e de sua unicidade.

Finalmente o grande dia. Era quarta-feira, 10 de abril de 1912. A viagem seria apenas de um dia, mas seria uma viagem emocionante, afinal estavam no maior navio do mundo, o RMS Titanic.

Jack O’Dell encantou-se com tamanha grandeza e beleza. Nunca tinham visto um navio tão alto e daquele tamanho. A primeira coisa que todos fizeram foi procurar as suas cabines no deck B. Uma vez que estas tinham sido encontradas, Jack encontrou seus tios e o Padre Browne, armados com suas câmeras foram no deck fotografar. Realizava-se neste momento os primeiros retratos mais famosos na nossa época, da vida a bordo do Titanic. Fotografias únicas. No momento da partida quase houve um acidente com o navio New York, as fotos são da família O’Dell.
Veja post:
http://titanicmomentos.blogspot.com/2005/10/uma-reportagem-afortunada.html

É muito provável que em Cherbourg, Jack tenha prestado atenção nos passageiros que desembarcavam e também nos que embarcavam. Após várias aventuras com outros garotos pelo navio, chegou o momento de desembarcar. Queenstown estava próxima e nada melhor do que aproveitar mais um pouco a viagem. Realizando junto o último passeio pelo deck, Kate fotografou Jack ao lado de seus tios e da sua mãe.

Ao desembarcar Padre Browne fotografa a última imagem do Capitão na ponte de comando. Já em terra firme Kate O’Dell fotografa o Titanic, tornando a última foto deste fabuloso navio, pois dois dias depois ele será golpeado por um iceberg e afundará.

5 comentários:

Mário disse...

sabe-se hoje que essa foto famosa dita como sendo a última tirada ao Titanic em que se vê a popa do navio e as pessoas se despedindo não foi a última, existe uma tirada já com o Titanic partindo para o oceano a toda a velocidade, tirada na costa da irlanda, e tem uma outra que eu achei do Titanic em Southampton mas fotografado tambem de popa amarrado, que eu nunca tinha visto.

Daniel disse...

sorte a nossa ter esses fanaticos por fotografia se tem fotos do titanic e graças a eles
parabens capitao
d+ o post

Gabriel disse...

o.O
keria um passeio desses de feriadão, shauhsuausahu
parabens Cap. muito massa a historia de hoje.
^^

Milward disse...

Aaa, eu não conhecia essa foto...


Que massa! Hehehe, as imagens tão mó boas...


Dá pena. =\\\

Amauri disse...

Legal! Sorte dessa família, viu!
=]