segunda-feira, dezembro 13, 2010

NOVA BACTÉRIA NO TITANIC


Uma bactéria até então desconhecida foi encontrada nos destroços do navio Titanic, que está enferrujando no fundo do oceano. A oxidação é importante, mas é justamente aqui que a nova bactéria está alojada.

Em 1991, um robô submarino Mir II realizou uma série de testes, incluindo a oxidação do casco. Aqui foi descoberta uma série de bactérias e fungos que vivem na ferrugem. É a partir destas amostras que os pesquisadores da Universidade de Dalhousie, Ontario Science Centre, no Canadá e da Universidade de Sevilha, em Espanha, isolaram uma bactéria até então desconhecida.

Foi só depois de uma pesquisa com o DNA bacteriano, que eles descobriram que tinham encontrado uma bactéria inteiramente nova. A bactéria é um membro da familia gênero-sal Halomonas por isso que também recebeu o nome muito apropriado titanicae Halomonas. As bactérias são de especial interesse porque pode lançar luz sobre o mecanismo pelo qual a oxidação marinha é formada, e como o micróbio atua em estruturas metálicas submersas.

Os autores salientam ainda que a descoberta é relevante para a proteção do petróleo e gasodutos, e eliminação segura no mar de navios e plataformas petrolíferas.

2 comentários:

Lucas Rubio disse...

Poxa, eu tbm fiz uma noticia sobre isso, se quiser Alencar visite por favor >>
http://rmslucasrubio.webnode.com.br/news/nova-bacteria-descoberta-ira-destruir-o-titanic-aos-poucos/

Andre disse...

os cientistas tinha de criar uma formula pra matar essa bacteria