quinta-feira, setembro 29, 2005

A EQUIPE DE MONSIEUR GATTI

A bordo do Titanic havia um outro grupo, formado pelo pessoal do restaurante à la carte, cujos profissionais não eram empregados da White Star Line. Esse tipo de serviço contribuía para que as opções disponíveis no restaurante do transatlântico fossem consideradas excelentes.
-
A palavra que melhor definia o restaurante dos passageiros da primeira classe era “elegância”. O maitre da sala de jantar era conhecido como monsieur Gatti. Gaspare Antonino Pietro Luiggi Gatti, filho de Paolo Gatti e de Maria Nascimbene nascera na cidade italiana de Montalto Pavese, em 3 de janeiro de 1875. Naquela época as famílias eram grandes e Gatti tinha 11 irmãos. Ainda jovem, percebeu que em sua cidade de origem não poderia realizar seus projetos e decidiu emigrar, optando pelo caminho da aventura.
-
Chegou a Londres e começou a trabalhar em restaurantes. Conseguiu impor-se rapidamente e se tornou proprietário de estabelecimentos famosos na época, como o Gatti's Adelphi e o Gatti's Strand. Conhecendo a boa fama e a qualidade de seus restaurantes, em um primeiro momento a White Star Line confiara a Gatti o restaurante à la carte da primeira classe do Olympic e, em seguida, o do Titanic.
-
Alojados no convés "E" do Titanic, os funcionários da casa Gatti assumiram diretamente todo o serviço.

3 comentários:

Venino disse...

BOM DIA!!!!!
que prazer deve ser participar de 1 jantar nesta mesa tao chique.
oie, continua magoado comigo, naum respondeu nehum email.

Jonas disse...

oieee!!!
que doido essa mesa, veio.
nossa muitu show esse flog mesmu.
heheeheh

Mário disse...

Pois é outra situação dificil no Titanic, esses 69 coitados trabalhadores do restaurante não eram considerados tripulação mas também não eram passageiros, nem carne nem peixe... enfim.