segunda-feira, março 01, 2010

NAVIOS DA WHITE STAR (1901)

Durante este mês, iremos colocar o restante da relação dos navios da White Star Line. Para rever a relação dos navios da White Star (1863-1900) clique aqui. Apesar de poucas informações e em alguns casos a não existência de fotos, esperamos trazer em cada post, um pouco mais da história naval desta companhia.


CELTIC
Construção: 1901
Toneladas: 21.035
Segundo navio da companhia a ter o mesmo nome (Celtic 1872) sem o seqüencial 2. Construído pela Harland e Wolff e lançado em 1901, o Celtic entre outros navios WSL, foi mais um azarado. Ele executou travessias do Atlântico em serviço entre 1901 a 1907. Durante a Primeira Guerra Mundial serviu como um cruzador mercante armado conseguiu através de manobras arriscas escapar de minas colocadas por submarinos alemães e também te ser torpedeado. Em 1928, encalhou perto de Queenstown, na Irlanda. Tentativas mal sucedidas de resgate foram feitas em 1933. Foi despedaçado e sucateado.


HAVERFORD
Construção: 1901
Toneladas: 11.635
Foi construído em 1899 por John Brown & Co., de Clydebank para a American Line. Somente em 1901 partiu para sua viagem inaugural, de Southampton para Nova York. Ao Haverford foi mais tarde atribuído várias rotas diferentes: American's Liverpool-Philadelphia, Red Star Line's Antuérpia-New York, Dominion Line's Liverpool-Halifax-Portland. Serviu como transporte de tropas durante a Primeira Guerra Mundial, e em 1917, foi atacado e torpedeado por um submarino alemão (possivelmente U-38) resultando na perda de 7 vidas. Conseguiu escapar e voltar ao porto sob seu próprio vapor, mas ficaria fora de serviço por seis meses, passando por reparos. Em 1918, foi atacado pela segunda vez por um submarino (U-boat) e novamente conseguiu escapar. Em 1920, Haverford foi comprado pela White Star Line e por razões desconhecidas, o seu nome permaneceu Haverford. Foi extremamente incomum para White Star para manter o nome original de um navio adquirido (especialmente na década de 1920 sob a IMM). Haverford foi redesenhada com as tradicionais cores da White Star Line e permaneceu com a rota Liverpool-Boston-Filadélfia durante os próximos quatro anos. No começo de 1924, Haverford teve uma série de problemas estruturais e elétricos que exigia constantes reparos. Fez sua última viagem em setembro de 1924. Foi desmantelado em 1925.


ZEELAND
Construção: 1901
Toneladas: 11.905
Em julho de 1899, a Red Star Line anunciou planos para a construção de quarto grandes vapores. Dois navios, Vaderland and Zeeland pela John Brown & Company of Clydebank, Escócia, e os outros dois, Kroonland and Finland, pela William Cramp and Sons na Philadelphia, Pennsylvania. Depois de ser lançado em 24 de Novembro de 1900, o navio Zeeland fez sua viagem inaugural, de Antuérpia para New York, em 13 de abril de 1901, navegando sob a bandeira britânica. Em abril de 1910, o Zeeland foi fretado à White Star Line para o serviço entre Liverpool-Boston, onde permaneceu até setembro de 1911. Em 1911 retornou a Red Star Line. Em 1914 retornou a White Star Line. Em 1915 foi renomeado para Northland. Em 1920 a Red Star renomeou novamente para Zeeland. Em 1927 foi vendido para a Atlantic Transport Line e recebeu o nome de Minnesota. Após sua última viagem em setembro de 1929, foi vendido e desmantelado em Inverkeithing em 1930.

4 comentários:

Andre disse...

Aleeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee


ta bom d+++++++++++++++++ os posts

=D

Victor disse...

misterio no nome Haverford

pq será que a WSL deixou o mesmo nome? :S

Luiz Felipe disse...

é estranho ver nomes tipo haverford e zeeland, estamos tao acostumado com ic no final.
mto bacana ver a continuação da relação *-*

Daniel disse...

deixar o mesmo nome Haverford, sendo que a White Star gostava de finais IC eh estranho msm. curioso eh que o Zeeland foi desmanchado na msm cidade onde o Olympic foi.

muito massa as historias desses navios, parabens :D